A LENDA DE CUSTER – 5

little-big-horn-por-charles-m-russell copy

Tínhamos prometido ilustrar o tema da mais célebre batalha da história das guerras índias, nos tempos heróicos da conquista do Oeste americano, apresentando alguns exemplos em banda desenhada por autores franceses, ingleses, espanhóis e italianos, que foram, quanto a nós, os que melhor souberam captar a essência dramática desse conflito entre duas raças, embora, tal como fez a 7ª Arte, envolvendo-o com as “roupagens” da ficção, para dar mais destaque aos protagonistas das séries em que o tema de Custer e Little Big Horn foi realisticamente abordado.

Estão neste caso grandes criações da BD europeia como Tex Willer, Magico Vento, Storia del West, Ken Parker, Mac Coy, Garth, Matt Marriott, Riders of the Range… e mesmo Blueberry, de Gir e Charlier (assunto que desenvolveremos num próximo artigo).

custer-corriere-dei-ragazziCuriosamente, os autores americanos de BD, nas séries onde o Oeste selvagem surge como pano de fundo, raramente evocaram a figura do general (com o posto efectivo de tenente-  -coronel) George Armstrong Custer e a sua última batalha — travada em 25/6/1876 —, talvez por se tratar de um tema que o cinema explorou de muitas formas, tanto em produções convencionais como em filmes de culto que foram grandes sucessos de bilheteira.

No episódio que seguidamente reproduzimos, oriundo da revista italiana Corriere dei Ragazzi nº 16 (ano IV), de 20/4/1975, com argumento de Mino Milani e desenhos de Milo Manara, o próprio título da série, La parola alla giuria: Processo a Custer, remete para um plano menos ficcional, assente nas acções e no perfil psicológico de um controverso e ambíguo personagem que, como reza a página de abertura, pertence tanto à história como à lenda — herói destemido para alguns, aventureiro ambicioso e sem escrúpulos para outros.

custer-processo-13

george-armstrong-custerTrata-se de uma curiosa série histórica, bem documentada e digna de figurar entre os melhores trabalhos da fase menos proeminente de Milo Manara, bastante anterior às criações que lhe deram fama e proveito, ou seja, as de cariz mais erótico, realizadas a solo ou de parceria com Hugo Pratt, Jodorowsky e outros reputados guionistas.

Alguns episódios desta série do Corriere dei Ragazzi, desconhecida da maioria dos admiradores de Manara, mas já reeditada em Itália num magnífico álbum — em que importantes figuras históricas eram submetidas a julgamento póstumo pelos actos que tinham praticado, num tribunal de cujo júri podiam fazer parte os leitores da revista, sem distinções etárias —, foram apresentados também no Mundo de Aventuras, a partir do nº 213 (2ª série), de 27/10/1977.

custer-a-cavaloCuster (tal como Átila, Nero, Cortez ou Robespierre) não escapou a esse julgamento, durante o qual negou as atrocidades de que era acusado nas suas campanhas contra os índios, justificando a desobediência às ordens superiores com o imperativo desígnio de combater, indiferente ao perigo… ou, por outras palavras, de pacificar uma região selvagem — onde os Sioux e os Cheyennes, numerosos e bem armados, estavam em vantagem —, como se fosse o homem predestinado para essa tarefa. Como terão os jurados reagido às suas palavras? Terão achado que eram cínicas, hipócritas, que só a glória militar lhe interessava, ou que eram próprias de um espírito aguerrido e patriótico, como o de outros oficiais do seu tempo?  

O veredicto final do júri, “culpado ou inocente”, não é do nosso conhecimento — com excepção de um processo como o de Helena de Tróia, que foi julgada duas vezes, em nome do direito de todos os arguidos a recorrer da sentença —, embora não tenhamos dúvidas de que os leitores do Corriere dei Ragazzi, perante a verídica e imparcial reconstituição dos factos, decidiram de acordo com “a sua sensibilidade e a sua humanidade”, depois de analisar as alegações da acusação e da defesa.

Mas o júri mais severo e implacável continua a ser o da História, que já condenou sem apelo nem agravo todas estas célebres personagens.
custer-processo-2-e-3

custer-processo-4-e-5

custer-processo-6-e-7

custer-processo-8-e-9

custer-processo-10-e-11

custer-processo-121

Advertisements