ROSSANO ROSSI, DESENHADOR DE TEX, NO XIV FESTIVAL INTERNACIONAL DE BD DE BEJA

Fonte: Tex Willer Blog

Comemoram-se em 2018 os 70 anos de vida editorial de Tex Willer, a lendária personagem dos fumetti, criada por G. L. Bonelli (texto) e Aurelio Galleppini (desenho), no distante ano de 1948, e o Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja, que entra este ano na sua 14ª edição e realizar-se-á entre os dias 25 de Maio e 10 de Junho, não poderia ficar indiferente a estas sete décadas de vida de uma das personagens de banda desenhada mais amadas em Portugal e que arrasta sempre atrás de si uma enorme legião de fãs e coleccionadores.

Rossano Rossi irá a Beja desenhar para os seus fãs

O primeiro fim-de-semana, como é tradicional, será o mais preenchido. A inauguração ocorre no dia 25 de Maio, sexta-feira, às 21h00, na Casa da Cultura. E este ano, a abrilhantar o evento alentejano, teremos a presença de Rossano Rossi, consagrado desenhador italiano oriundo de Arezzo, terra que o viu nascer em 1964, que assim vem comemorar a efeméride (70 anos de Tex) a Portugal, para deleite dos seus inúmeros fãs e admiradores.

Rossano Rossi, desenhador de Tex, convidado do 14º Festival Internacional de BD de Beja

Como forma de agradecimento pelo convite efectuado por Paulo Monteiro, director do Festival de BD de Beja, Rossano Rossi desenhou Tex em Portugal, mais precisamente em Beja. O desenhador aretino elegeu a Torre de Menagem do Castelo de Beja — obra que se deve ao Rei D. Dinis, que a mandou edificar em 1310, e é considerada um dos melhores exemplos de arquitectura medieval, com a particularidade de ter sido toda construída em mármore — como pano de fundo para esta nova presença de Tex na cidade de Beja, visto que, no ano de 2010, Fabio Civitelli trouxe também o Ranger até à capital do Baixo Alentejo.

Tex Willer (pela arte de Rossano Rossi) no Castelo de Beja

Desenho este que, por cortesia do blogue português do Tex, temos o prazer de apresentar aos nossos leitores e, em especial, aos apaixonados Texianos portugueses. Mostramos também, para efeito de eventual comparação, uma fotografia (extraída do mesmo blogue) da imponente Torre de Menagem do Castelo de Beja, a mais alta da Península Ibérica, com aproximadamente 40 metros de altura e uma escadaria de acesso com 198 degraus.

Torre de Menagem do Castelo de Beja

Mais informações relacionadas com o Festival Internacional de BD de Beja (autores presentes, exposições, programa oficial, mapa, horários, informações úteis, contactos, etc.) estão disponíveis no sítio Internet oficial do Festival.

Advertisements

CARAVANA TEXIANA NO XIII FESTIVAL DE BD DE BEJA

Mário João Marques, António Lança-Guerreiro, Rui Brito, Carlos Moreira, Pedro Bouça e Teresa Moreira, no stand da Polvo Editora, em Beja, com exemplares portugueses de Tex nas mãos

Nesta última sexta-feira, dia 26 de Maio, foi inaugurado o XIII Festival de Banda Desenhada de Beja, um dos mais importantes Festivais dedicados à 9ª Arte em Portugal, evento que decorrerá na capital do Alentejo até ao próximo dia 11 de Junho, abraçando exclusivamente o Centro Histórico da cidade e em especial o Largo do Museu Regional, epicentro desta Festa da BD. São dezoito (18) as exposições patentes ao público e dez (10) os países representados, da Argentina à Dinamarca, passando por Angola, Itália e Roménia.

Para além das exposições, o Festival oferece aos visitantes uma programação paralela bastante diversificada, em que pontuam as apresentações de projectos, as conversas à volta da BD, o lançamento de livros, as sessões de autógrafos, workshops, concertos desenhados, etc, etc. Como não podia deixar de ser, o Festival tem também à disposição dos visitantes o Mercado do Livro — a maior livraria do país durante este período, com mais de 60 editores presentes — e uma zona comercial com várias tendas instaladas (venda de action figures, arte original, posters, prints, etc).

E foi precisamente no Mercado do Livro, onde obviamente Tex está presente através das publicações da Polvo Editora, que se reuniram vários fãs e coleccionadores de Tex que no passado sábado, 27 de Maio, aproveitaram para se deslocar a Beja e desfrutar de mais um grande evento dedicado à Banda Desenhada, onde se pode inclusive ter acesso às belas edições texianas, como confirmam os exemplares nas mãos dos pards Mário João Marques, António Lança-Guerreiro, Carlos Moreira, Pedro Bouça e da Lilyth Teresa Moreira, posando no stand da Polvo Editora, acompanhados pelo infatigável editor Rui Brito.

Aqui deixamos a informação, para todos os interessados que se desloquem a Beja nas próximas duas semanas, de que podem encontrar esses exemplares à venda por lá.

Momento de lazer em Beja, com a presença do jornalista João Miguel Lameiras

Mas por Beja também estiveram muitos outros pards conhecidos, como por exemplo o José Eduardo Monteiro, o jornalista João Miguel Lameiras e Carlos Rico, responsável maior pelos eventos da Banda Desenhada em Moura e principal responsável, também, pela primeira vinda de um desenhador de Tex a Portugal (Fabio Civitelli em 2007), que abriu portas para a presença do próprio Civitelli e de muitos outros autores texianos noutros eventos realizados no nosso país, até aos dias de hoje.

Carlos Moreira e Carlos Rico confraternizando em Beja

Uma das “estrelas” presentes nesse fim de semana foi o desenhador italiano Paolo Mottura, que já fez mais de 100 histórias para as revistas da Walt Disney (entre as mais apreciadas, podemos mencionar “Moby Dick”, “On the Road”, “Metropolis” e as que realizou para a revista PK), mas que também já desenhou Dylan Dog para a Sergio Bonelli Editore e que ficou admirado por ver que Tex tem tantos fãs no nosso país.

Na imagem seguinte, vemo-lo posando junto de Carlos Moreira e Mário João Marques, directores do Clube Tex Portugal, e tendo nas mãos um exemplar da revista do dinâmico Clube Português dedicado ao famoso Ranger!

Carlos Moreira e Mário João Marques com o desenhador Paolo Mottura, que exibe um exemplar da revista do Clube Tex Portugal, após ter desenhado um belo Mickey

Em conclusão, mais um grandioso evento dedicado à Banda Desenhada em Portugal, onde o nosso amado Ranger se fez também representar, através das suas edições e dos seus entusiásticos fãs e coleccionadores.

(Reportagem extraída, com a devida vénia, do Tex Willer Blog).

UM “COWBOY” NA FEIRA DO LIVRO DE LISBOA

86ª-edição-da-Feira-do-Livro-de-Lisboa

“Tex – Tempestade sobre Galveston”, da Polvo Editora, já se encontra à venda na Feira do Livro de Lisboa e no Festival Internacional de BD de Beja

Está a decorrer, até 13 de Junho, mais uma edição da Feira do Livro da capital portuguesa, mais precisamente a 86ª edição da Feira do Livro de Lisboa, evento que é a montra da edição em Portugal, com mais de duas centenas de pavilhões e centenas de editores, chancelas, alfarrabistas e livreiros presentes e com lançamento e apresentação de livros, sessões de autógrafos, leituras públicas, workshops, intervenções artísticas e encenações, maratonas de leitura, feiras de rua, exposições e promoções.

86ª-edição-da-Feira-do-Livro-de-Lisboa-imensamente-visitada

E o Ranger Tex Willer também está presente na Feira do Livro, através de Tempestade sobre Galveston(nas suas duas versões de capa), uma novela gráfica magistralmente escrita por Pasquale Ruju e magnificamente desenhada por Massimo Rotundo, com o selo da Polvo Editora, já que a obra desta excepcional dupla de autores italianos está à venda no stand B11, da distribuidora Europress, local onde também se encontra à venda o Tex Patagónia, o primeiro volume da colecção Tex Romance Gráfico, um dos clássicos da BD mundial, com textos de Mauro Boselli e arte de Pasquale Frisenda!
Estes volumes de Tex só terão, em princípio, 10% de desconto sobre o PVP com IVA, que é 16,99 euros, isto devido à Lei do Preço Fixo do Livro.

As-duas-versões-de-Tempestade-sobre-Galveston-a-edição-PORTUGUESA-com-o-selo-da-POLVO-está-à-venda-na-Feira-do-Livro-de-LISBOA-e-no-Festival-de-BD-de-Beja

Mas tanto Tempestade sobre Galvestoncomo Patagónia também já se encontram à venda na capital do Baixo Alentejo, uma vez que desde 27 de Maio até 12 de Junho está a decorrer o XII Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja e as edições de Tex com o selo da Polvo podem ser adquiridas por 16,00 euros no Mercado do Livro (a maior livraria do país durante este período).

Patagónia-a-edição-PORTUGUESA-com-o-selo-da-POLVO

Por tudo isto, prezado leitor, se puder dê uma saltada até à Feira do Livro de Lisboa ou até ao Festival Internacional de BD de Beja e adquira (se ainda não os possui) o seu exemplar de Tempestade sobre Galvestone/ou Patagónia, edições do Ranger Tex Willer totalmente nacionais, devido a esta louvável aposta editorial da Polvo que irá prosseguir nos próximos tempos, tendo em conta que já estão a ser preparadas novas edições de Tex com a chancela da editora do Rui Brito.

Tex-Romance-gráfico

XII-Festival-Internacional-de-Banda-Desenhada-de-Beja

(Nota: texto e imagens extraídos, com a devida vénia, do Tex Willer Blog – O Blogue Português do Tex)